Com o envelhecimento, podem surgir bolsas de gordura nas pálpebras e perda do tônus.



A posição dos supercílios também pode se modificar, o que dá ao olhar um aspecto cansado e entristecido. E, além da questão estética, a visão pode ser afetada.

A blefaroplastia é a cirurgia que tem como objetivo principal a restauração funcional e estética das pálpebras e da região que fica ao redor delas (periorbitária), devolvendo à pessoa uma expressão facial mais “descansada” e harmoniosa.

O procedimento é realizado em ambiente hospitalar e, em geral, a alta ocorre no mesmo dia. O pós-operatório não costuma ser doloroso. Ocorre um inchaço, mas se resolve entre 3 e 4 semanas.

Para fazer um procedimento com segurança e bons resultados, procure um especialista em cirurgias de pálpebras e periorbitárias e certifique-se de que ele seja membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia.

Posts Recentes